Janaina pede a saída de Bolsonaro - 17/03/2020

Janaina Pascoal, em discurso na Assembléia Legislativa de São Paulo, pediu a saída de Bolsonaro, pois em seu entender o presidente não tem capacidade para governar e enfrentar a grave crise que vivemos.
A deputada do PSL, eleita com expressiva votação, foi aliada do presidente até pouco tempo. Fazia críticas pontuais, mas mantendo seu apoio. Agora porém se mostra desiludida e arrependida por ter votado nele.
Concordo plenamente com Janaina. E fico muito a vontade em criticá-lo, pois já o faço desde 2012, quando Bolsonaro ainda não era candidato a presidente. Sempre reiterei, principalmente aos seus fanáticos seguidores desde aquela época, ser um homem despreparado para a função. Foi um deputado apagado, apático, sem qualquer expressão na Câmara Federal nos 30 anos que lá esteve.
As irresponsabilidades do presidente chegaram ao máximo, ao limite, quando contraria ordens médicas, contraria recomendações do seu próprio ministro da saúde e, levado por sua vaidade, egoicamente desce a rampa do Planalto para se aproximar dos desmiolados seguidores. Em levantamento realizado pelo Estadão, Bolsonaro teve contato físico com nada menos que 272 pessoas.
Para entender o tamanho de tal barbaridade: uma pessoa contamina outra pessoa; duas contaminam quatro; quatro contaminam 16 e 16 contaminam 256.
Também vale ressaltar os 14 assessores cujos exames testaram positivo para o vírus e que tiveram contato com o presidente.
Sim, Bolsonaro tem de sair. E já. Não por impeachment, mas por incapacidade.
Miguel Reale Jr já havia dito ser necessário realizar exames de sanidade no presidente. Ai está.
Assina o canal, dá um like no vídeo. Comenta, critica, sugere pauta: SBelbute