Globo promove pichadores e revolta Rogério Flausino do Jota Quest

Concordo plenamente com o Rogério Flausino. E realmente não entendi qual a motivação do Serginho Groisman em glamorizar a mediocridade e imbecilidade dos pichadores. Não tem outro termo: são vândalos. Simples assim. Não constroem, nem contribuem com absolutamente nada. Nem como protesto. Ademais, diversos simbolos usados em pichações são marcas do tráfico demarcando territórios. Bastaria que as polícias e guardas municipais utilizassem mais a "inteligência", buscando nas redes sociais as agendas das próximas "aventuras" destes marginais. Além de obterem os filmes em que poderão identificá-los. Sou de opinião que suas caras devem ser expostas nas redes à exaustão, para o cidadão reconhecê-los, acionando a polícia imediatamente. Como bem disse o Flausino: são idiotas.